domingo, 7 de julho de 2013

Inteira Ausência



O CLARO RIO REFLETE MAIS DE MIL SALGUEIROS.

PASSARAM SOB A VELHA PONTE OS ANOS, VINTE;

A PONTE À DESPEDIDA, A BELEZA PARTIDA,

SEM MAIS NOTÍCIA AO TEMPO IDO, A INTEIRA AUSÊNCIA.

por Liu Yuxi

tradução Ricardo Primo Portugal e Tan Xiao
FOLHA DE SÃO PAULO, domingo, 7 de julho de 2013
Caderno ILUSTRÍSSIMA, página 8
ACERVO FOLHA:
http://acervo.folha.com.br/

terça-feira, 7 de maio de 2013

Ainda bem

COGITATIONIS POENAM NEMO PATITUR

Ninguém pode ser punido por pensar


Fonte:
Dicionário Técnico Jurídico Rideel (Deocleciano Torrieri Guimarães)

terça-feira, 30 de abril de 2013

Radovan Ivsic

DE TUDO QUE SEI
E QUE SEI QUE SABES
DE TUDO QUE VEJO
E QUE SEI QUE TU VÊS
DE TUDO QUE OUÇO
QUANDO ESCUTO TEU CORAÇÃO
DE TUDO QUE ME DIZES
E QUE TANTO AMO
DE TUDO QUE SE PASSA
QUANDO FECHAS OS OLHOS
DE TODOS OS SONHOS
DE TODAS AS ESTRELAS
DE TODAS AS NUVENS
DE TUDO ISSO SABES
O QUE ME ALEGRA AINDA MAIS?

DE TUDO ISSO QUE ME ALEGRA AINDA MAIS
E QUE SEI QUE SABES
PORQUE TU SABES E EU TAMBÉM
TU SABES QUE ME AMA
E EU SEI QUE TE AMO

Radovan Ivsic
tradução: eclair antonio almeida filho
Jornal Folha de São Paulo, caderno ilustríssima, domingo, 21 de abril de 2013.
http://acervo.folha.com.br/

Nada perturba tanto...

"Nada perturba tanto as vidas que vivemos como as vidas que não vivemos."

João Pereira Coutinho
Frase extraída de artigo publicado no Jornal Folha de São Paulo, terça-feira, dia 30 de abril de 2013, caderno Ilustrada, página E6
http://acervo.folha.com.br/